google.com, pub-3723287605272792, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Guarapiranga vira para cima do Almadina com um a menos na Copa MEC 2019

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather

Guará chega a quatro pontos e praticamente carimba vaga para as oitavas-de-final

Por Lucas Ribeiro

Quem esteve no CDC Vila da Paz no final de tarde do último domingo (20), viu uma daquelas coisas que somente o futebol proporciona. O Almadina vencia por 2 a 1, jogava bem, tinha um jogador a mais e parecia estar tudo sob controle. Mas o Guarapiranga foi guerreiro, empatou o jogo e fez o gol da vitória já nos acréscimos do segundo tempo.

O jogo

O Almadina começou assustando logo de cara, aos dois minutos. Juracy cobrou falta direto para o gol, Jean saltou no canto esquerdo e colocou para escanteio.

Foto: Léo Alvarenga/FCS

Aos 14, uma lambança enorme de Jean. O goleiro do Guará foi tentar sair driblando no meio de dois marcadores, adiantou demais e perdeu a bola. Juracy aproveitou e bateu por cobertura, mas a bola subiu demais e saiu pela linha de fundo.

O domínio do Almadina se transformou em gol aos 24 minutos. Juracy fez grande jogada pela esquerda, foi no fundo e rolou para trás. Alex bateu de primeira, no contrapé de Jean e abriu o placar. 1 a 0.

Mas o que era bom não durou muito tempo. Quatro minutos mais tarde, aos 28 minutos, o Guará chegou ao empate. Falta na esquerda, próximo a linha de fundo. Dodô bateu por cobertura, a bola desviou levemente na barreira e matou o goleiro Claudemir, entrando no ângulo oposto. Golaço.

O Almadina ainda respondeu, no último lance de perigo no primeiro tempo. Murilo avançou pela direita e serviu Alex. O camisa 9 que abriu o placar, bateu firme de pé direito, mas Jean fez grande defesa, mantendo a igualdade no placar para o segundo tempo.

Expulsão, virada sensacional e muita emoção

O que não faltou no segundo tempo foi emoção e bom futebol. Logo no primeiro minuto, Dodô achou Welton dentro da área. Ele bateu cruzado para boa defesa de Claudemir.

A resposta do Almadina foi fatal. Aos três minutos, Murilo recebeu dentro da área e tocou rasteiro na saída de Jean para colocar o Almadina novamente em vantagem. 2 a 1.

Foto: Léo Alvarenga/FCS

Mais Almadina. Aos 11, Juracy cobrou a falta, ela desviou na barreira e explodiu no travessão.

O Guará só acordou para o segundo tempo aos 17 minutos. Renan evitou a saída da bola pela linha de fundo e ajeitou de calcanhar para trás. Dodô encheu o pé direito e Claudemir fez um milagre, colocando a bola para escanteio.

Na sequência, o Guará ficou com 10 jogadores em campo. Douglas Barbosa fez falta forte, recebeu o segundo amarelo e foi expulso.

Com um jogador a mais, o Almadina se comportava bem. Não dava refresco para o Guarapiranga e continuava frequentando o campo de ataque, não se acomodando com a dupla vantagem.

Mas um lance de descuido mudou completamente a partida, aos 23 minutos. Dodô cobrou escanteio da esquerda na primeira trave, ela passou por todo mundo até achar Douglas livre, no meio da pequena área. O camisa 9 dominou e escorou de pé direito para empatar o jogo.

Foi o combustível que o Guarapiranga precisava para pegar fogo. Precisando do resultado, já que havia empatado na estreia, a equipe se lançou ao ataque, mesmo com um jogador a menos. Já o Almadina sentiu o golpe e, mesmo com um a mais, passou a sofrer com as investidas do Guarapiranga.

Aos 27, Renan cortou para dentro, livrou a marcação e bateu de bico. A bola explodiu no travessão de Claudemir, que ficou apenas olhando.

Aos 29, outra bola parada. Dodô bateu a falta por cima da barreira, com endereço certo no ângulo direito. Mas Claudemir, com estilo, foi lá e colocou para escanteio, fazendo uma linda defesa.

Água mole e pedra dura, tanto bate até que quase fura. Aos 35, Wellington foi no fundo pela direita e cruzou rasteiro. Douglas chegou dividindo com o zagueiro e caiu. A bola ficou viva dentro da pequena área e, mesmo caído, Douglas tentou jogar para dentro do gol, mas chutou para fora, para desespero de Gabriel, que vinha de frente para o lance e faria o gol.

Mas aos 36 não teve jeito. Água mole e pedra dura, tanto bate até que fura. Outra jogada pela direita, outro cruzamento rasteiro, só que desta vez Wellington estava esperando na segunda trave, sozinho, só para empurrar para o gol vazio, virar o placar e decretar a vitória do Guarapiranga com um jogador a menos.

O resultado deu a liderança do grupo D ao Guarapiranga, com 04 pontos. O Almadina é o lanterna, com nenhum ponto em duas partidas.

Ficha Técnica
Guarapiranga 3×2 Almadina
Local: CDC Vila da Paz
Data: 20/10/2019

Almadina: 1- Claudemir, 16 José G., 4- Ricardo, 3- Raimundo e 06- Ian; 5- José, 7- Juracy, 8- Murilo e 10- José; 9- Alex e 11- Josemilton; Téc: Jocelio.

Guarapiranga: 1- Jean, 2- Gabriel, 4- Josivan, 15- Douglas Barbosa e 18- Wallace; 5- Jefferson, 8- Ismael e 10- Dodô; 7- Renan, 11- Welton e 9- Douglas. Téc: Adriano.

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather