google.com, pub-3723287605272792, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Panela, eficiente, garante classificação em cima do Unidos do M. Estela na Copa Leões 2018

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather

No segundo tempo o time do capão se retraiu e acabou cedendo campo para o time do Unidos, que não soube aproveitar

Por Diego Cunha

No sábado (11), Panela e Unidos do Jardim Maria Estela se enfrentaram pelas oitavas-de-final da Copa Leões 2018. O Panela vinha de uma vitória importante, por 4 a 2, eliminando o atual campeão Copo Cheio na fase anterior. Já o Unidos do Maria Estela vinha de uma extensa decisão por pênaltis (10 a 9), quando eliminou o Tranca. Apesar do placar ter sido elástico, a partida foi bastante disputado e decidido nos momentos finais.

Foto: Diego Cunha

O JOGO

Aos oito minutos, o time do Panela quase abriu o placar. Ramires tentou surpreender o goleiro chutando de fora da área, mas Willian conseguiu se recuperar, deu um tapa na bola, mandando para escanteio.

A resposta do Unidos só veio aos 22 minutos. Bilico recebeu na lateral esquerda e fez bela jogada individual. Ele tirou o zagueiro no drible e tocou para o Bolinha, que pegou de primeira, forte, o goleiro Dida bateu roupa, mas a zaga afastou na sequência.

Aos 24 minutos, o Panela abriu o placar. Vagner recebeu a bola em profundidade e, na entrada da área, chutou cruzado, no canto esquerdo, sem chances para o goleiro.

No lance seguinte o Unidos teve a chance do empate e pecou na finalização. Queijinho cruzou da esquerda para Bilico, que dominou no peito e deixou a bola dar um pingo, mas na hora de finalizar, acabou isolando a bola e perdendo grande chance.

Panela aproveita os contra ataques e garante a vaga nas quartas

No segundo tempo, o time do Panela ficou mais defensivo, mas soube aproveitar os espaços deixados pelo Unidos. Mas perdeu muitas chances e poderia ter tido sorte pior por falta de capricho no passe final.

O Unidos manteve a posse de bola, só que não conseguia transformar em chances reais de gol. Já o Panela tentava o contra-ataque perfeito só que não foi desse jeito que eles mataram o jogo.

Foto: Diego Cunha

Aos 20 minutos, Jorge fez um gol parecido com que o Alex fez no Rogerio Ceni. Sim, exatamente do jeito que você leu. A falta no meio campo foi batida de maneira rápida e tocaram para Jorge, com a bola pingando, ele chapelou o zagueiro, que nada fez para impedi-lo e, no alto mesmo, ele cabeceou para o gol e se chocando com dois marcadores mais o goleiro. Ele fez o gol e depois saiu machucado, pois o choque foi forte.

Abatido após tomar o segundo gol, o Unidos foi para o tudo ou nada e acabou dando mais espaços ainda e acabou tomando mais dois gols. O primeiro veio aos 27 minutos, Anderson que substituiu Jorge recebeu no meio de campo e deu uma bela assistência para Fafy que da entrada da área de primeira mandou no contra pé do goleiro aumentando a vantagem.
E já no apagar das luzes uma falta no lado esquerdo e Samurai contou com a barreira que abriu e prejudicou o goleiro aumentando o placar para 4 a 0. Logo após o gol o juiz encerrou a partida.

Ficha Técnica:
Unidos do Jd Maria Estela 0 x 4 Panela
Local: CDC Décio da Silva (Anhanguera)
Data: 11/08/2018

Unidos do Jd Maria Estela: 12- William(1- Buiu), 2- Peixinho, 4- Guma, 21- Robertinho, 6- Batata, 5- Zé, 8- Tio Uil, 10- Bolinha, 11- Betinho(13- Robson), 22- Queijinho, 7- Bilico. Treinador: Rafael.

Panela: 1- Dida, 22- Gê, 48- Antonio Carlos, 79- Diran, 55- Caique, 80- Evandro(28-Anderson), 100- Jorge(66- Luquinhas), 77- Fafy(90- Juninho), 60- Vagner(94- Samurai), 43- Mortadela. Treinador: Rodrigo.

Árbitro: Ivan Oliveira
Assistente 1: Maicon Jamal
Assistente 2: Marcos Rodrigo

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather