google.com, pub-3723287605272792, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Praça e Tradição ficam no empate sem gols na Copa Nacional de Veteranos

Por André Martinelli

jogo foi movimentado na primeira e tapa. Ritmo cai no segundo tempo e terminado empatado

O jogo

A partida começou movimentada. A primeira chance de gol saiu já aos 6 minutos, quando André bateu falta de quase do meio de campo e a bola passou perto do travessão do goleiro Nino.

Foto: André Martinelli/FCS

A resposta do Praça também veio em cobrança de falta. Se a do Tradição foi de quase do meio da rua, a do adversário foi bem mais perto da área. Viola cobrou forte, mas ela subiu demais e passou por cima da meta defendida por Charles.

O Praça ficava mais com a bola, porém, não conseguia agredir o adversário, que buscava pelo contra-ataque. Em um jogada pela direita, o Tradição quase chegou ao gol. Alê recebeu e bateu no canto esquerdo do goleiro. Ele fez uma bela defesa e a bola pegou no pé da trave.

Essa foi a última chance do primeiro tempo. Os times, apesar de tentarem marcar o gol, não conseguiram chegar com perigo novamente.

Poucas oportunidades e nenhum gol

O ritmo do jogo caiu na segunda etapa. O Praça ainda ficava mais com a bola no pé, mas as únicas chances da partida foram do Tradição.

Foto: André Martinelli/FCS

Primeiro aos 13 minutos. Em um contra golpe pela direita, Da Praia tocou para André. O camisa 7 deu um tapa por cima do goleiro, a bola ia entrando, até que Neuri chegou e deu um chutão para afastar a bola para longe.

Com 23 minutos mais um gol perdido. Alê chutou de fora da área, a bola desviou e Nino fez uma boa defesa no canto direito, mandando para escanteio. Na cobrança, Da Praia mandou na bagunça e Paraguai cabeceou forte por cima do gol.

O jogo foi se arrastando até o fim sem nenhuma chance de gol e as duas equipes ficaram no empate.

Ficha Técnica:

Tradição 0x0 Praça
Local:
Campo do Nacional

Tradição: 1- Charles, 22- Marquinhos (13- Roni), 3- Itamar, 4- Isaac, 6- Carioca, 5- Paraguai, 7- André, 8- Lula, 10- Da Praia, 11- Huguita (16- Mauricio), 9- Alê. Treinador: Bidu.

Praça: 1- Nino, 3- Viola (10- Rogerio), 4- Helói, 6- Job, 25- Paulo, 3- Edcarlos (15- Luizão), 2- Pipo, 15- Nado (14- Neuri), 21- Douglas (16- Ricardinho), 9- Vagner, 11- Pulguinha. Treinador: Walmir.