google.com, pub-3723287605272792, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Da Bresser para…

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather

Por Lucas Ribeiro

O tempo passa. E é curioso ver que com o passar do tempo, como as coisas evoluem. Um exemplo disso é a Uniex. De desconhecida no mercado, a uma posição consolidada. Um dia estava lá, sem muito prestígio. Um dia, eles estavam espremidos no número 581 da Rua Bresser, loja menor, menos funcionários, sem ar condicionado. Depois mudaram para o número 149…

Vestiram o Lobão da Leste, que era o atual campeão da Copa Kaiser. Logo após vieram o Água Santa, o Pioneer, da Vila Guacuri. Uma final de Campeonato Paulista com o Audax. Teve também a Portuguesa, de tantas glórias e tradição, entre outros.

Hoje estão no número 173, com uma “Mega Store”. Dobraram o número de funcionários, colocaram ar condicionado, turbinaram a fábrica de confecção. Aumentaram a cartela de clientes e é difícil de encontrar uma equipe que já não tenha vestido Uniex em algum momento da história. Sim, o tempo passa.

Hoje, a Uniex vai tentar inovar novamente. “Mas como?”, deve ser a pergunta de todos. A resposta é simples: multiplicação.

Atender toda a gama de clientes no Brás é difícil, sendo que muitas vezes o atendimento é todo feito via telefone e/ou internet, o que prejudica o andamento do trabalho. É por isso (e outras razões, claro), que a Uniex vai ousar com o seu “plano de expansão”.

“A Uniex sente a necessidade de estar mais próximo dos seus clientes. Por isso, vamos lançar um projeto de lojas espalhadas por toda a Grande São Paulo em um primeiro momento. Buscamos sempre inovar e seremos os primeiros a fazer isso na várzea”, afirma Renato Bezerra, proprietário da Uniex.

Ele não quis nos dar mais detalhes de como vai funcionar o plano de expansão, mas nos adiantou que em cerca de 15 dias, irá inaugurar a primeira filial da Uniex. Onde? Não sei, mas se fosse para apostar, eu apostaria que o plano de expansão se chama: FRANQUIAS.

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather