google.com, pub-3723287605272792, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Pela Copa Anhanguera, Jardim Regina monstra eficiência e se garante na final de sábado sede leste

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather

Equipe de Pirituba venceu o Ostentação pela contagem minima e agora enfrenta o Trinta na grande final

Por Caio Brito

Após classificações heroicas na fase anterior, Jardim Regina e Ostentação se encontram em busca da primeira vaga para a decisão de sábado da Copa Anhanguera. O confronto que ocorreu no ultimo sábado(05), no Céu Jambeiro, foi digna de semi final. Desde o inicio o nível técnico da partida foi elevado. No final, prevaleceu a experiência da equipe do técnico Bolinha, que soube aproveitar melhor suas oportunidades e com méritos avançou para decisão, que será contra o Trinta da Cidade Tiradentes.

O jogo

Diante do retrospecto de ambas as equipes na competição, as expectativas para o duelo foram as melhores possíveis. E elas foram atendidas desde o início.  O time de Pirituba começou melhor e logo com 7 minutos criou a 1° oportunidade.  Lobo recebeu passe curto de Wendell no campo de ataque, se livrou da marcação e bateu firme. A bola foi por cima.

img_20161105_163330
Foto: Caio Brito/FCS

Já o Ostentação foi se encontrando aos poucos na partida e a partir da metade do 1° tempo passou a controlar as ações ofensivas do duelo. Foi ai que as chances para abrir o placar apareceram.

Aos 20’, após boa troca de passes, Douglas recebeu na entrada da área com liberdade e acionou Nego com um passe por cima da zaga. O camisa 9 recebeu sem ângulo pela esquerda e bateu cruzado. Vitor saiu bem do gol e abafou o arremate.

Sete minutos depois, Nego fez o cruzamento da esquerda e encontrou Matheus livre no 2° pau. O atacante completou de primeira mas o camisa 1 do Jd.Regina estava bem posicionado e evitou que o placar fosse aberto.

Depois disso, o confronto voltou a ficar equilibrado. Nos minutos finais, Nego ainda assustou em chute de fora área. Mas ficou nisso. 0x0 e a decisão do finalista reservada para os últimos 35 minutos.

Destaque do 1° tempo, Nego resumiu o primeiro tempo em poucas palavras “Faltou calma para finalizar ali. Se Deus quiser o gol vai sair agora”.

Regina garante a vaga

Na segunda etapa, após bronca do treinador no intervalo, o atual campeão da Copa Garanhão voltou ligado e logo com 5′ quase abriu placar. Felipe recebeu com espaço na entrada da área e rapidamente acionou Pinguim pela esquerda. Já na marca do pênalti o camisa 9 finalizou. Andre Luiz defendeu com os pés.

img_20161105_163134
Foto: Caio Brito/FCS

 

O Regina controlava a partida naquele momento e o prêmio por esse domínio veio aos 17′. Cintra recebeu com espaço na direita e fez o cruzamento na medida para Matheus. O atleta que tinha acabado de entrar no lugar do Hugo, subiu livre e testou firme. Sem chances de defesa para André. 1×0 e muita comemoração da comissão técnica da equipe branca.

O gol não abalou o Ostentação, que a partir daquele momento voltou a se lançar ao ataque e assim ter o comando do jogo novamente. Pinguim teve duas boas chances para empatar.

Na primeira, o camisa 11 recebeu dentro da area pela direita, se livrou da marcação e bateu colocado. A bola passou perto do angulo esquerdo e se perdeu pela linha de fundo. Já na sequencia, a chance mais clara da partida. Nego cobrou falta rápida para o atacante que ganhou dos marcadores na velocidade e na pequena área finalizou com um toque sutil. A bola passou caprichosamente ao lado do poste esquerdo e foi para fora. Incrível.

Aos 25′, após escanteio da esquerda, Nego concluiu o cruzamento de voleio e quase fez uma pintura.

Foto: Caio Brito/FCS

A partir dos últimos 10 minutos,  o ECO continuava buscando o empate, porém passou a agredir menos. Com isso o tempo foi passando e ao final a vaga ficou para equipe da zona oeste.

O consagrado técnico Bolinha falou sobre o classificação ” Foi na experiência. E no 1° tempo contamos com nosso goleiro. O Vitor fez duas defesas difíceis ali. Os caras tiveram as chances e não fizeram. No segundo tempo melhoramos, criamos mais chances de gol e fomos felicitados com um belo gol de cabeça”

Um detalhe curioso sobre o técnico do Regina. Ele também comanda a equipe finalista de domingo, o Terror da Mooca,  que no próximo domingo(13) enfrenta a tradicional equipe do Ajax no campo do Americano.

Voltando para o sábado, o Jardim Regina enfrenta o Trinta na decisão. A equipe de Cidade Tiradentes eliminou o Novo Sapopemba e também avançou. A data e o local do jogo ainda não foram definidos.

Ostentação 0x1 Jardim Regina
Local: CEU Jambeiro
Data: 05/11/2016

Ostentação: André Luiz; Ed Carlos, Lucas Barbosa, José Carlos e Lucas; Rafael, Nailton(Robson), Lucas, Felipe, Douglas e Matheus(Jaílton); Nego – Técnico: Carlos

Jardim Regina: Victor; Cintra, Nunes, Ronaldo e Lima; Lura, Lobo, Felipe e Wendell(Du); Pinguim e Hugo(Matheus) – Técnico: Bolinha

Arbitragem: Fábio Carvalho
Auxiliar 1: Gilberto Roque
Auxiliar 2: William Moreira

Foto: Caio Brito/FCS
Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather