google.com, pub-3723287605272792, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Mocidade faz o simples, vence e afunda Cruzeiro

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather

Por Diego Luiz

No penúltimo jogo da Copa da Paz de Veteranos, tinha tudo para ser uma das melhores partida, já que ambas as equipes foram derrotados. De um lado, a equipe do Mocidade foi tomou três da equipe do Vila Fundão. Já a equipe do Cruzeiro, assistiu de dentro de campo a goleado do Estrêla da Sul.
Foi o Cruzeiro quem chegou ao gol primeiro, mas segundo o auxiliar, o gol feito por Luís Antonio estava impedido.
Aos 15, nova oportunidade do time de Itapecerica da Serra, desta vez em ótima tabela entre Marcelo e Luis, o camisa nove deixou Marcelo na cara do gol, mas no momento da batida, a zaga chegou e conseguiu travar o chute.

Foto: Diego Luiz
Foto: Diego Luiz

Mas quem abriu o placar o Mocidade. Em cobrança de falta, Christian bateu a falta em um buraco na barreira, se visão, o goleiro até pulou, mas chegou muito atrasado. Na comemoração, Christian sentiu e foi substituído em seguida.
O Cruzeiro se limitava a defender e fazer lançamentos, pois a pressão feita pelo adversário era muito grande.
A bronca correu solta no intervalo, o técnico do Cruzeiro tentou acertar seu time, enquanto o técnico do Mocidade acertou alguns erros na marcação.
Ao voltar, o principal pedido dele não foi escutado, quando Marcelo conseguiu passar facilmente pela lateral, fez cruzamento bem fechado e  Fernando tentou desviar, mas esperto, Fernando fez a defesa.
Aos 11, o Mocidade respondeu quando Juracy passou a bola dentro da área de Mazaropy, que fez a parede e rolou para trás pra chegada de Rogério, o camisa nove chutou forte, o goleiro só olhou a bola bater caprichosamente no travessão antes de sair.

Foto: Diego Luiz/FCS
Foto: Diego Luiz/FCS

O jogo ficou morno e as chances de gol foram trocadas por faltas e cobranças de escanteio e laterais.
E o empate do cruzeiro quase aconteceu nos últimos minutos do jogo, quando Fábio Simplício tentou fazer gol olímpico. A bola até passou pelo goleiro, mas a zaga bem posicionada na linha do gol tirou o perigo, segurando assim o resultado.

 

Ficha Técnica

Mocidade 1 x 0 Cruzeiro
Data: 31.07.2016 – 11h00
Local: Arena Palmeirinha

Mocidade: 1- Fernando, 2- Reginaldo, 3- Reginaldo Campos, 4- Henrique,  5- Eloi, 6- Roni Carlos (14- José Carlos), 7- Juracy, 8- Christian (20- Daniel), 9- Rogério (13- Anderson), 10- André (16- Mazaropy), 11- Wagner Marcelo.

Cruzeiro: 12- Edmilson, 2- Luis Alfredo, 3- Marcelo Roberto, 4- Jefferson (6- Agnaldo), 5- Jeferson, 7- Givanildo, 8- Antonio Lopes, 9- Luis Antonio, 10- Fábio Simplício, 11- Fernando Afonso, 19- Carlos Caldeira. Técnico: Leonardo.

Cartões Amarelos: Reginaldo, Mazaropy e Rogério (Mocidade) / Luis Alfredo, Fernando Afonso, Antonio Lopes e Agnaldo (Cruzeiro)

Árbitro: Marcelo Ribeiro
Auxiliar 1: Abel Castilho
Auxiliar 2: Lucas Rafael

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather