google.com, pub-3723287605272792, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Nacional vence Moleque Travesso e garante a segunda vaga na final da Copa Nove de Julho

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather

Por Diego Cunha

Moleque Travesso e Nacional se enfrentaram pela semifinal da Copa Nove de Julho, em um partida bastante movimentada na região do meio de campo e com raras chances de gol, aonde, em um lance isolado, o Nacional fez o gol e garantiu a classificação.

O jogo

No domingo (24), Nacional/Pão Caseiro e Moleque Travesso começaram um embate pela vaga na grande final da Copa Nove de Julho. Para a grandiosidade da partida, tivemos pouco público no Comercial, localizado em Pirituba.

Foto: Diego Cunha/FCS
Foto: Diego Cunha/FCS

Falando um pouco mais sobre a partida, não tivemos muitas chances de gol, já que estamos falando em uma semifinal aonde os jogadores se entregam em dobro, com a raça e vontade no bico da chuteira.

No finalzinho do primeiro tempo, mais precisamente aos 32 minutos, o Nacional abriu o placar. Jean um pouco de traz do meio de campo, viu seu lateral (Luciano)  sozinho,  avançando com velocidade e lançou a bola para ele. O camisa 2 dividiu a bola com o goleiro fora da área, só que ele conseguiu dar um toque na bola, que acabou achando Bruninho, que, sozinho, só empurrou a bola pro gol.

Nacional segura pressão e garante vaga na final

No segundo tempo, o Moleque Travesso voltou diferente e com mais gana para tentar o empate. logo no inicio do jogo teve uma boa chance. Aos 5 minutos,  Xincha arriscou o chute da entrada área, a bola bateu no pé da trave esquerda e acabou saindo pela linha de fundo.

Foto: Diego Cunha/FCS
Foto: Diego Cunha/FCS

Após esse lance, o Nacional conseguiu segurar o ímpeto do Moleque Travesso pelo menos até a metade do segundo tempo. Posicionado mais para o contra-ataque, o Nacional até chegava no gol adversário, só que o goleiro estava bem e conseguia garantir minutos de “sobrevivência” pro Moleque Travesso.

Aos 30 minutos, Magrão puxou um contra golpe sozinho e conseguiu driblar dois zagueiros antes de chutar no canto esquerdo, aonde o goleiro foi buscar e executou bela defesa. A equipe do Moleque Travesso já havia abandonado a sua marcação e os 2 zagueiros já faziam parte do ataque. Só que não conseguiram fazer o gol e jogo acabou com a classificação do Nacional/Pão Caseiro.

Ficha Técnica:

Nacional/Pão Caseiro 1 x 0 Moleque Travesso
Local: Comercial
Data: 24/07/2016

Nacional/Pão Caseiro: 1- Bahia, 2- Luciano (14- Erick), 3- Geriel, 13- Mineiro, 6- Diego, 31- Ferradura, 30- Jean (27- Jackson), 8- Hercules (5- Alê), 10- Bruno, 9- Magrão, 11- Leandro (18- Dante). Treinador: Miranda.

Moleque Travesso/Jardim Planalto: 1- Ronaldo, 2- Fabinho, 3- Otavio, 4- Alemão, 5- Lagartixa, (6- Thales), 14- Marquinhos), 17- Xincha (16- Hugo), 11- Anderson (19- Rodrigo), 10- Nego (8- Felipe), 9- Negão, 13- Coleto. Treinador: Alan.

Árbitro: Édson Pimentel
Assistente 1: Benê Santana
Assistente 2: Marcelo Ribeiro
Representante: Willians Rocha

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather