google.com, pub-3723287605272792, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Santa Rita joga bem, vence Tirandentes e está na final da Copa Negritude

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather

Por Caio Brito

Jogando em casa, equipe da Cohab I surpreendeu novamente e chega como favorita na decisão

Igualdade no início

No segundo jogo decisivo na tarde de domingo, no campo do Alvorada, Tiradentes e Santa Rita fizeram uma partida parelha nos minutos iniciais.

O primeiro lance mais agudo ocorreu apenas aos 22 minutos. Após lançamento em profundidade de Mailson pelo meio, Jhow recebeu com espaço e finalizou, mas seu chute saiu mascado.

A chegada ao ataque dos visitantes, fez com que o Santa Rita acordasse na partida, e assim a equipe do técnico M.T começou a controlar as ações ofensivas. Porém, poucas chances de perigo foram criadas.

Foto: Caio Brito/FCS
Foto: Caio Brito/FCS

Até que aos 33, quase veio o banho de água fria. Após contra-ataque rápido, Mailson buscou a velocidade de Jhow em mais um lançamento em profundidade. Mas, dessa vez, o goleiro Celso abandou a meta e cortou o passe. Porém, ele acabou entregando um presente nos pés de Adilson. O camisa 7 emendou de primeira e acertou caprichosamente a trave. Seria um golaço. O arremate foi praticamente do meio campo.

Após essa perigosa trama ofensiva, as equipes apenas controlaram o cronometro e foram para o intervalo com o placar inalterado.

O técnico Miltinho analisou o primeiros 35 minutos. “Tá um jogo muito estudado. Notei que ainda falta a equipe encostar no ataque. O campo também não está favorecendo, mas temos que nos adaptar”, completou o comandante.

Santa Rita contundente

Assim como o jogo anterior, o 2° tempo da semifinal começou com a pinta de penalidades. As equipes se arriscaram no pouco no início e a igualdade insistia em permanecer no placar.
Aos 11 minutos, após cruzamento da direita, Wilker brigou com a zaga pelo alto e ajeitou para Julio na entrada da área. O camisa 11 arriscou de primeira e assustou a torcida do Tirandentes.

A equipe da Cohab I continuava buscando mais o ataque e novamente passou a controlar a partida. Até que aos 20 minutos essa audácia foi premiada.
Após cruzamento da direita, Julio ajeitou rapidamente para o meio da área. O lateral Rancis apareceu como elemento surpresa e apenas tirou do goleiro. Para delírio da torcida azul.

Foto: Caio Brito/FCS
Foto: Caio Brito/FCS

O gol empolgou ainda mais o Santa. Que continuou imprimindo um ritmo de jogo muito forte. Tanto é que 5 minutos depois o placar foi ampliado.

Em novo cruzamento da direita, Wilker subiu mais que a zaga e escorou. A bola encobriu o goleiro Be e colocou números finais na partida. Os comandados do técnico M.T estava desbancando outro favorito ao título.

Mas, antes do apito final, o Tiradentes não abandou o confronto. Miltinho mexeu na equipe em busca do empate. Porém, o Santa Rita fez um partida segura na defesa e conseguiu administrar bem a pressão do adversário.

Após o apito final, muita festa dentro de campo. Autor de um gol e uma assistência, Rancis era pura alegria. “Nosso time está unido. Tudo vem dando certo. Sempre a gente está batendo na trave. Mas estamos focado em conseguir esse primeiro título para o Santa Rita. Vamos para cima! Mas sempre com os pés no chão”.

A grande decisão da Copa Negritude ocorre no próximo Sábado, as 15h, no campo do Alvorada.

Ficha Técnica:
Santa Rita 2×0 Tiradentes
Data: 01/05/2016
Local: Alvorada
SantaRita: Celso; Rancis, Marcus, Pimpão e Gu; Cara Preta, Caiaçara, Miojo e Gigante; Wilker e Julio – Treinador: M.T
Tiradentes: Be; Buiu(Romulo), Vinicius, Caçula e Walter; Deto, Seedorf(Erick), Mailson e Luquinhas; Jhow e Adilson – Treinador: Miltinho
Árbitro Naldo Pereira
Assistente 1: Givaldo Alves
Assistente 2: Wallace Ribeiro
Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather