Resenha pré rodada – O clássico tenso do Morumbi.

 

Bem amigos leitores do FCS, hoje é dia de clássico no Morumbi. É o terceiro capitulo da novela “Kleina – O Salvador”.

Se os dois primeiros capítulos tiveram um final feliz, o de hoje reserva grandes problemas para o Palmeiras. O Palmeiras que vem de duas vitórias no Brasileiro, contra times não tão fortes, mas apresentando um futebol consistente. Enfrenta hoje, o primeiro time da parte de cima da tabela, e vai ser colocado a prova pela primeira vez desde a apresentação de Klein. O Palmeiras joga para fugir da zona da degola, os palestrinos estão 6 pontos atras do Coxa, primeiro time fora da zona de rebaixamento.

Já o São Paulo conta com o fator Morumbi e o retorno de Luís Fabiano. O Morumbi que é o ponto forte do São Paulo neste Brasileiro, onde conquistou 31 dos 43 pontos que tem no campeonato. O São Paulo joga para continuar colado no Vasco, o ultimo do G4, a diferença é de quatro pontos, e a cada rodada fica mais dificil voltar a Libertadores, objetivo também na Sulamericana, que é ser campeão e voltar a competição mais importante da America do Sul, após dois anos.

Se a situação de ambas as equipes já seria motivo de um jogo tenso no Morumbi, podemos acrescentar a historia de 76 anos do Choque-Rei. São 286 jogos entre as equipes, com decisões de campeonato, jogos decisivos, e muita rivalidade.

A arbitragem começou a gerar polemica logo após o sorteio. Paulo Cesar de Oliveira foi muito criticado pela cúpula palmeirense, que tentou junto a CBF, vetar a sua participação no classico. A diretoria alega que Paulo vem prejudicando o Palmeiras desde 1997, e apresentou um DVD com 28 erros do arbitro contra o Palmeiras. A |CBF decidiu por manter Paulo Cesar, que entra pressionado antes da bola rolar. O fato tambem gerou comentarios do lado tricolor, o técnico Ney Francoo criticou a atitude alviverde.

O Morumbi espera receber um grande publico, mais de 60 mil ingressos foram colocados a venda, até agora, apenas a arquibancada amarela estava esgotada. As vendas ocorrem pela Internet, e no Morumbi se encerrou ao meio dia.

Analisando as duas equipes, vejo o Palmeiras mais pronto para vencer a partida. Mesmo o São Paulo tendo um melhor time, o Palmeiras tem uma base que joga junto há alguns anos. Com Kleina, o time retomou a vontade mostrada nos melhores momentos da equipe. Alem disso, o Palmeiras conta com um sistema defensivo consistente, e contando com a bola parada, que é uma falha terrivel da zaga tricolor, sair com o resultado positivo do Morumbi. Já o São Paulo tem um sistema ofensivo muito qualificado. Lucas, Jadson, Osvaldo e Fabuloso, tiram o sono de qualquer defesa. Por outro lado, o São Paulo sofre com o fraco sistema defensivo, que vem sendo decisivo para a inconstância do time no campeonato. Wellington retorna ao time, no lugar do Maicon, e FINALMENTE o São Paulo vai jogar com marcação no meio campo. Maicon como segundo volante simplesmente não funciona, nem marca, nem tem liberdade para criar. O São Paulo pode vencer o Palmeiras em algum lance individual, já que tem qualidade para isso. Para vencer o Palmeiras, o São Paulo tem que usar e abusar das jogadas pelas laterais. Juninho não é bom marcador, nem Arthur. Assunção é velho, e não pode ajudar a cobertura dos laterais. Se Paulo Miranda e Cortez se mandarem, e usarem da dobradinha, com Lucas e Osvaldo, o São Paulo pode criar muitas chances para Luis Fabiano. Ainda mais se Jadson decidir jogar bola.

O palpite para o clássico de logo mais é 2×2. Se for para sair de cima do muro e apostar em um vitória, o Palmeiras leva por 2×1.

O Palmeiras vai a campo com: Bruno, Artur, Maurício Ramos, Henrique e Juninho; Correa, Márcio Araújo, Marcos Assunção e Valdivia; Mazinho e Barcos.

O São Paulo começa com:  Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Edson Silva e Cortez; Denilson e Wellington; Lucas, Jadson e Osvaldo; Luis Fabiano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao Topo