google.com, pub-3723287605272792, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Fúria consegue virada incrível para cima do Levanta Poeira

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather

 

Fúria, do Heliópolis, e Levanta Poeira, do Taboão da Serra, duelaram neste sábado (18), no CDC Anhanguera, pela segunda rodada da 27ª Copa Anhanguera de Futebol Amador. As duas equipes estrearam com derrota. O Fúria foi derrotado pelo Travessa, de Americanópolis, e o Levanta Poeira foi superado pelo Colorado. Com o resultado de hoje, o Fúria respira e continua na briga pela classificação. Já o Levanta Poeira se complicou e praticamente deu adeus ao campeonato.

O jogo

O Fúria começou a partida a todo vapor, sufocando o time do Levanta Poeira. Logo nos primeiros minutos o time do Heliópolis abriu o placar, em cobrança de falta de muito longe. A bola tocou na trave e nas costas do goleiro do Levanta Poeira antes de  morrer nos fundos das redes.

O Levanta Poeira tentou reagir, adiantando o time em busca do empate. Mas o afobamento do time do Taboão custou caro. Com a zaga totalmente exposta, uma jogada rápida pela direita, e o centroavante do Fúria ficou livre para marcar o 2×0, antes da metade do primeiro tempo.

Parecia que o Fúria tinha resolvido a partida. O time de Heliópolis tocava a bola de lado, gastando o tempo, procurando o fim do primeiro tempo. Com a larga vantagem, os jogadores relaxaram e cometeram erros fatais. Em dois lances isolados, o Levanta Poeira marcou dois gols, empatando o jogo ainda no primeiro tempo, colocando fogo no jogo.

Levanta Poeira atuou com o uniforme da A.R. Anhanguera / Foto: Lucas Ribeiro
Levanta Poeira atuou com o uniforme da A.R. Anhanguera / Foto: Lucas Ribeiro

Segundo tempo de viradas

O segundo tempo começou do mesmo jeito que acabou o primeiro tempo. O Fúria tinha a bola, tocava bastante de lado e o Levanta Poeira acelerava o jogo quando tinha a bola. Aos 10 minutos, Axé dominou a bola na ponta esquerda, carregou até o bico da grande área e chutou. A bola entrou no ângulo oposto, tocando caprichosamente na trave antes de morrer nas redes. Um golaço, para coroar uma bela virada do Levante Poeira. 3×2.

 O Fúria não se abateu e manteve a sua estratégia, mesmo não fazendo um bom segundo tempo. Sempre procurando trabalhar bastante a bola, mesmo não sendo muito efetivo, o time do Heliópolis conseguiu o empate minutos depois, para deixar o jogo ainda mais emocionante.
Mas o Fúria não pode comemorar o empate por muito tempo. Menos de cinco minutos depois de empatar a partida, viu o Levanta Poeira passar a frente, num lance de muita sorte. O chute foi de longe, parecia que seria uma defesa fácil, mas um desvio no zagueiro matou o goleirão. Era o Lavnta Poeira consolidando a virada.
O jogo se arrastou por mais 10 minutos. Quando o cronômetro do árbitro apontou 30 minutos (que é o tempo regulamentar da Copa) ele avisou que seriam 05 minutos de  acréscimo, levando o banco do Levanta Poeira à loucura.
Foto: Lucas Ribeiro
Foto: Lucas Ribeiro

 O Fúria se lançou completamente ao ataque. Mesmo sem jogar bem, tentava na base da vontade o empate. O Levanta Poeira rifava todas as bolas que ameaçavam chegar até a sua área, o time estava todo recuado.

Aos 32 minutos começou o roteiro de cinema. Jogada pela direita, cruzamento na área, um desvio de cabeça todo desajeitado e a bola na rede. Era o empate, levando a torcida do Heliópolis à loucura. 4×4 de um jogão de bola.

Na base do abafa, o Fúria foi para o tudo ou nada e se deu bem. Aos 34 minutos, a zaga do Levanta Poeira rebateu mal, a bola sobrou limpa, dentro da área para o atacante do Fúria fuzilar o goleiro. GOL! Explosão de alegria da torcida do time do Heliópolis, euforia no banco de reservas. O abatimento dos jogadores do Levanta Poeira era nítido. FIM DE JOGO!

Uma virada sensacional, dignas das melhores histórias de Hollywood. Um 5×4 sensacional, e guardada as devidas proporções, lembrou e muito o jogo entre Santos x Flamengo do Brasileirão de 2011…

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmailby feather

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *